domingo, 30 de setembro de 2018

"Ontem, o Brasil votou para mudar. O brasileiro votou sem medo de ser feliz, e a esperança venceu o medo".



Luiz Inácio Lula da Silva, mais conhecido como Lula (1945 - ): ex-presidente brasileiro, em discurso realizado dia 28 de outubro de 2002, durante seu primeiro pronunciamento como presidente democraticamente eleito - com uma maioria esmagadora de votos, por sinal. 

(A imagem acima foi copiada do link PT.org.)

2 comentários:

Anônimo disse...

"... a esperança venceu o medo". Mas parece que agora, com a prisão do Lula, o poder econômico venceu a vontade popular. Lamentável...

Petista de Coração

Alvaniza Macedo disse...

Analisando friamente o atual cenário político, acredito que o País precisa de neutralidade, isto é, um presidente que não seja eleito por paixões (caso do PT) ou um que seja eleito por um discurso de ódio (caso do Jair);

Vivemos dias difíceis. Assistimos boquiabertos o crescimento do antipetismo e do discurso de ódio. Um alimenta o outro, numa roda viva que pode levar o Brasil para um destino perigoso e caótico.

Sem intenções eleitoreiras aqui no blogue, e você André sabe disso, acredito que o candidato mais viável no momento é o Ciro Gomes. Pode trazer serenidade, responsabilidade e respeito para o País.

No mais, desejo a população sabedoria e responsabilidade ao votar, pois não é só um presidente que constrói a Nação - tem o Congresso Nacional, esse sim, precisa urgentemente ser renovado em 99%.

Abraço.