terça-feira, 30 de junho de 2015

segunda-feira, 29 de junho de 2015

REQUISIÇÃO ADMINISTRATIVA

O que é, como funciona

Requisição administrativa é o nome que se dá quando, em iminente perigo público, a autoridade competente utiliza-se de propriedade privada/particular. 

O exemplo clássico da requisição administrativa - que aparece bastante nos filmes - é quando um policial, durante uma perseguição, solicita que um motorista lhe ceda o carro para ser utilizado na caçada ao suspeito.

A pessoa que tem sua propriedade utilizada não recebe nenhum pagamento em troca, exceto se houver dano. No exemplo acima, se o policial devolve o carro sem qualquer arranhão ou amassado, o Estado não precisa ressarcir o particular. Mesmo a gasolina gasta durante a perseguição o Estado não paga...   

Pode parecer absurdo, mas tá na lei: Constituição Federal Art. 5º XXV:

"no caso de iminente perigo público, a autoridade competente poderá usar de propriedade particular, assegurada ao proprietário indenização ulterior, se houver dano". 


(Imagem copiada do link Oficina de Ideias 54.)


sexta-feira, 26 de junho de 2015

"Diga sim sempre que possível e não sempre que necessário".


Tania Zagury: escritora, pesquisadora, professora universitária, filósofa e mestre em Educação. Nascida no Rio de Janeiro, seus estudos abordam temas relacionados ao comportamento humano, sendo uma autora muito indicada para pais e educadores. 

Alguns de seus livros: Filhos: Manual de Instruções; O Macaquinho da Perna Quebrada; Sem Padecer no Paraíso; Limites Sem Trauma - Construindo Cidadãos; O Professor Refém. 


(A imagem acima foi copiada do link O Povo.)

quarta-feira, 24 de junho de 2015

"Cinismo é reconhecer o preço de tudo e o valor de nada".


Oscar Wilde (1854 - 1900): um dos mais populares dramaturgos de Londres na década de 1890. É lembrado hoje por suas peças e epigramas (composições poéticas breves), seu nome completo era Oscar Fingal O'Flahertie Wills Wilde. Nasceu em Dublin, que na época pertencia à Grã-Bretanha e hoje faz parte da Irlanda.

Principais trabalhos: O leque de Lady Windermere; Uma Mulher sem Importância; Um Marido Ideal; A Importância de ser Prudente; O Príncipe Feliz; O Retrato de Dorian Gray; Salomé.


(A imagem acima foi copiada do link Occupy.)

terça-feira, 23 de junho de 2015

GERAÇÃO COCA-COLA


Quando nascemos fomos programados
A receber o que vocês
Nos empurraram com os 'enlatados'
Dos U. S. A., de 9 às 6

Desde pequenos nós comemos lixo
Comercial e industrial
Mas agora chegou nossa vez
Vamos cuspir de volta o lixo em cima de vocês

Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola

Depois de 20 anos na escola
Não é difícil aprender
Todas as manhas do seu jogo sujo
Não é assim que tem que ser

Vamos fazer nosso dever de casa
E aí então vocês vão ver
Suas crianças derrubando reis
Fazer comédia no cinema com as suas leis

Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola

Depois de 20 anos na escola
Não é difícil aprender
Todas as manhas do seu jogo sujo
Não é assim que tem que ser

Vamos fazer nosso dever de casa
E aí então vocês vão ver
Suas crianças derrubando reis
Fazer comédia no cinema com as suas leis

Somos os filhos da revolução
Somos burgueses sem religião
Somos o futuro da nação
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola
Geração Coca-Cola

Legião Urbana

(A imagem acima foi copiada do link Google Images, e a letra, do link Letras.mus.)

domingo, 21 de junho de 2015

TIPOS DE AMOR

Para todos aqueles que amam...



AMOR FÍSICO/ERÓTICO/ROMÂNTICO: também chamado de Eros. Se fundamenta nas características e experiências físicas. Amantes desse tipo procuram parceiros fisicamente atraentes.

AMOR LÚDICO: palavra derivada do latim, que quer dizer brinquedo, jogo ou divertimento. Daí a expressão jogo amoroso. O amante lúdico não deve ser levado a sério - apesar de ser divertido - pois é repleto de artimanhas e flertes.

AMOR AMISTOSO: chamado de STORGE (que significa amor pelos pais) é um tipo de amor fundado na amizade e na identificação de atividades, preferências e interesses em comum com o outro amante. 

AMOR DEPENDENTE: conhecido como mania. Este tipo de amor se baseia na incerteza e na ansiedade. É possessivo, obsessivo e inseguro de si mesmo. Os amantes maníacos farão qualquer coisa - mesmo as mais estranhas - para obter a atenção do seu amado, ficando totalmente obsecados por este sentimento.

AMOR PRAGMA: derivado da palavra pragmático. É também conhecido como amor lista de compras. O amor deste tipo fundamenta-se na crença de que qualquer relacionamento tem de funcionar e, portanto, é uma questão de prática. Antes de se comprometerem os amantes pragmáticos analisam detalhadamente o passado e as características do outro.

AMOR ÁGAPE: designa o amor cristão. Um amor fraternal e altruísta; que se doa. Este tipo de amante sacrificaria seus mais profundos interesses em benefício do parceiro.

AMOR PLATÔNICO: é um amor difícil, impossível ou não correspondido. O termo platonicus foi utilizado a primeira vez no século XV pelo filósofo neoplatônico Marsilio Ficino, como um sinônimo de amor socrático.

E então, qual tipo de amor você procura?

Fonte: O Guia dos Amantes, p. 23, com adaptações.


(A imagem acima foi copiada do link Oficina de Ideias 54.)

quinta-feira, 18 de junho de 2015

BATALHA DE WATERLOO

O que foi, quando foi, principais consequencias


A Batalha de Waterloo foi um conflito militar ocorrido em 18 de junho de 1815, portanto, há exatos 200 anos. Envolveu o Primeiro Império Francês contra a Sétima Coligação, constituída por Áustria, Inglaterra, Prússia, Rússia e Reino da Holanda.

Na batalha, as forças francesas contavam com cerca de 72.000 homens, comandados por Napoleão Bonaparte - imperador francês - e pelo Marechal Michel Ney. Já as forças da Sétima Coligação incluíam cerca de 118.000 homens, comandados por Gebhard Leberecht von Blücher (Prússia) e pelo Duque de Wellington (Reino Unido).

O embate se deu perto da cidade de Waterloo, na atual Bélgica, mas que na época pertencia ao Reino da Holanda, e culminou na derrota francesa.

Alguns estudiosos acreditam que Napoleão poderia ter vencido o combate se não tivesse exitado tanto para atacar. Ele teria ido pessoalmente na noite anterior visitar o campo de batalha e percebendo o grande acúmulo de lama devido às fortes chuvas, esperou até o meio dia do dia 18 na esperança que o solo secasse. Isso deu tempo para que as forças prussianas chegassem a tempo de ajudar as forças britânicas, que já estavam bastante debilitadas.

Com o reforço prussiano as forças britânicas viraram o jogo contra os franceses. Napoleão Bonaparte, por muito pouco, não foi capturado. Graças ao sacrifício de seus bravos soldados, que fizeram de tudo para protegê-lo, ele conseguiu escapar e chegou a salvo em Paris.

Com a derrota em Waterloo Napoleão Bonaparte abdicou do poder e foi exilado na Ilha de Santa Helena. Seu chamado Governo de Cem Dias terminava. Começava o "conserto da Europa". A monarquia dos Bourbon era restaurada no trona da França. Chegavam ao fim as Guerras Napoleônicas e um período de relativa paz iniciava-se. O mapa do poder político europeu era redesenhado. Chegava ao fim a Era Napoleônica.


(A imagem acima foi copiada do link Observador.)

quinta-feira, 11 de junho de 2015

“Muitas pessoas perdem as pequenas alegrias enquanto aguardam a grande felicidade”.

Pearl Sydenstricker Buck (1892 - 1973): escritora norte-americana ganhadora de um Prêmio Pulitzer (1932) e de um Prêmio Nobel de Literatura (1938). Grande sinologista (estudiosa da civilização chinesa), teve a cultura deste país como marca em grande parte de seus escritos.





(Imagem copiada do link Images Google.)

quarta-feira, 10 de junho de 2015

"Quem promove o desenvolvimento de um país não é o seu governante, mas o seu povo, através da educação e do conhecimento".


Pedro Bandeira (1942 - ): escritor brasileiro. Com mais de 80 obras publicadas e cerca de 23 milhões de exemplares vendidos, ele é hoje o autor de literatura infanto-juvenil mais vendido no Brasil.

Algumas de suas obras: Alice no País da Mentira; A Contadora de Histórias; A Eleição da Criançada; A Onça e o Saci; É Proibido Miar; Gente de Estimação; Mais Respeito, Eu Sou Criança!; Minha Primeira Paixão; O Dinossauro Que Fazia Au-au; O Fantástico Mistério de Feiurinha; O Medo e a Ternura; Prova de Fogo; Uma Ideia Solta no Ar. 



(Imagem copiada do link EBC.)

terça-feira, 9 de junho de 2015

"A simplicidade é o grau máximo da sofisticação".

Leonardo da Vinci (1542 - 1519): anatomista, arquiteto, botânico, cientista, escultor, engenheiro, inventor,  matemático, músico, pintor e poeta italiano. Considerado um dos maiores gênios da história, desenvolveu 'engenhocas' que deram origem a inúmeras máquinas modernas utilizadas hoje como o helicóptero, o automóvel e o tanque de guerra.  



(Imagem copiada do link Oficina de Ideias 54.)

segunda-feira, 8 de junho de 2015

DICAS DE DIREITO TRIBUTÁRIO - TRIBUTOS (II)

Função e objetivos

Dicas para cidadãos e concurseiros de plantão

A principal função dos tributos é servir como instrumento de arrecadação do Estado para que este se sustente e mantenha a 'máquina estatal' em funcionamento.

Na atualidade, entretanto, esse mesmo Estado que arrecada utiliza os tributos como importante instrumento de intervenção na economia. Os efeitos mais importantes dessa intervenção são o combate ao abuso do poder econômico e a proteção ao consumidor.

Os tributos, de acordo com a aplicabilidade dada pelo Estado, têm os seguintes objetivos:

FISCAL: quando o principal objetivo da arrecadação é juntar recursos financeiros para custear as atividades do Estado ('máquina estatal');

EXTRAFISCAL: quando o objetivo principal é a interferência do Estado no domínio econômico, visando, dentre outras coisas, o combate à concorrência desleal e à inflação;

PARAFISCAL: aqui o objetivo principal é a arrecadação de tributos com o fito de manter e custear atividades que, via de regra, não constam das funções específicas do Estado, mas que este desenvolve por meio de determinadas entidades. O exemplo mais conhecido são as entidades que compõem os serviços sociais autônomos: SESC, SESI, SENAI e SENAC.

O tema 'tributos' faz parte de uma matéria chamada AFO (Administração Financeira e Orçamentária), muito cobrada em concursos como BACEN, Polícia Federal, INSS, Receita Federal, Tribunais e carreiras fiscais.

É um assunto bastante extenso que merece estudo aprofundado e detalhado para melhor compreensão. O que foi dito acima é apenas um pequeno resumo.


(A imagem acima foi copiada do link Oficina de Ideias 54.)

domingo, 7 de junho de 2015

sábado, 6 de junho de 2015

“A verdadeira filosofia é reaprender a ver o mundo”.

Maurice Merleau-Ponty (1908 - 1961): filósofo francês que serviu como oficial do Exército daquele país durante a Segunda Guerra Mundial. 







(Imagem copiada do link Cosac Naify.)

sexta-feira, 5 de junho de 2015

DICAS DE PORTUGUÊS - PLURAL METAFÔNICO

O que é, como funciona, alguns exemplos


Alguns substantivos da Língua Portuguesa, ao passarem do singular para o plural, sofrem uma alteração em sua pronúncia. O "o" fechado (ô) da sílaba tônica - sílaba mais forte - passa a ser pronunciado de forma aberta (ó). A esta mudança de pronúncia dá-se o nome de metafonia ou plural metafônico.

Ex.: a palavra ovo. No singular lê-se ovo (ô). Já no plural lê-se ovos (ó).

Por que é importante saber isto? Para se comunicar de forma correta no dia-a-dia, seja em conversas no ambiente acadêmico, profissional e até mesmo familiar. Sem contar que é assunto básico para quem estuda para concursos públicos ou vestibulares.

Vale salientar, ainda, que nem sempre os substantivos apresentam metafonia, podendo ter o "o" tônico fechado tanto no singular quanto no plural. Ex.: bolo (ô)/bolos (ô).

Para facilitar, aí vão alguns exemplos de plural metafônico:

SINGULAR (ô)      PLURAL (ó)
aeroporto    aeroportos
caroço         caroços
coro             coros
despojo       despojos
destroço      destroços
esforço        esforços
fogo             fogos
forno           fornos
imposto       impostos
osso             ossos
poço            poços
posto           postos
povo            povos
reforço        reforços
socorro       socorros  



(A imagem acima foi copiada do link Examtime.)

quinta-feira, 4 de junho de 2015

HÁ TEMPOS


Parece cocaína
Mas é só tristeza
Talvez tua cidade
Muitos temores nascem
Do cansaço e da solidão
Descompasso, desperdício
Herdeiros são agora
Da virtude que perdemos
Há tempos tive um sonho
Não me lembro, não me lembro
Tua tristeza é tão exata
E hoje o dia é tão bonito
Já estamos acostumados
A não termos mais nem isso
Os sonhos vêm e os sonhos vão
E o resto é imperfeito
Dissestes que se tua voz
Tivesse força igual
À imensa dor que sentes
Teu grito acordaria
Não só a tua casa
Mas a vizinhança inteira
E há tempos
Nem os santos têm ao certo
A medida da maldade
E há tempos são os jovens
Que adoecem
E há tempos
O encanto está ausente
E há ferrugem nos sorrisos
Só o acaso estende os braços
A quem procura
Abrigo e proteção
Meu amor!
Disciplina é liberdade
Compaixão é fortaleza
Ter bondade é ter coragem
Lá em casa tem um poço
Mas a água é muito limpa
Legião Urbana
(A imagem acima foi copiada do link Google Images.)