terça-feira, 19 de janeiro de 2010

VAI QUE É SUA, TAFFAREL

Claudio Taffarel aparece na lista dos melhores goleiros do mundo. Outros brasileiros também fizeram parte do ranking

O goleiro Cláudio André Mergen Taffarel, mais conhecido como Taffarel, foi escolhido o 10º melhor goleiro do mundo dos últimos anos. O ranking foi elaborado tendo como base os anos de 1987 a 2009, e foi divulgado nesta terça-feira pela Federação Internacional de História e Estatística de Futebol (IFFHS, em inglês).


Outros goleiros brasileiros também apareceram na lista, foram eles: Dida (13º colocado), Júlio César (27º lugar), Rogério Ceni (28º lugar), Marcos (42º colocado), Zetti (45º lugar). O Ranking elenca os 75 melhores goleiros dos últimos 22 anos e teve o goleiro italiano Gianluigi Buffon, da Juventus, como primeiro colocado.

Cláudio Taffarel nasceu em Santa Rosa - RS, aos 8 de maio de 1966. Já jogou em times como Inter de Porto Alegre (1984-90), Parma da Itália (1990-93 e 2001-02), Reggiana, também da Itália (1993-94), Atlético Mineiro (1995-98) e Galatasaray, da Turquia (1998-2001).

Pela seleção brasileira, Taffarel dispensa comentários... Tem simplesmente o maior número de jogos de um goleiro pelo time, com 106 participações. Defendeu o gol brasileiro como titular absoluto nas edições das copas de 1990, 1994 e 1998. Nas três copas, atuou em 18 jogos e sofreu apenas 15 gols.

Mas o que mais o destacou, na época, dos demais de sua posição, foi a fama de grande pegador de pênaltis. Na copa de 1994, por exemplo, ele ajudou a garantir o tetracampeonato para o Brasil ao defender duas cobranças de pênalti na final contra a Itália. Na copa seguinte, em 1998, repetiu o feito nas semifinais contra a Holanda. Defendeu mais dois pênaltis e garantiu a seleção canarinha nas finais. Por causa desses feitos, Taffarel ganhou um bordão que virou refrão em todo o Brasil: Vai que é sua, Taffarel.

Poucos goleiros na história foram tão decisivos quanto ele.

Com um currículo tão vasto e impecável como o dele, fica até difícil listar o número de conquistas. Vejamos algumas apenas defendendo o gol da seleção brasileira: título do Campeonato Mundial Sub-20 (1985); medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos (1987); medalha de prata na Olimpíadas de 1988; campeão da Copa América de 1989; vice-campeonato na Copa América de 1991; campeão da Copa América de 1993; campeão da Copa do Mundo de 1994; vice-campeonato da Copa América de 1995; segundo lugar no Torneio da França de 1997; campeão da Copa América de 1997; vice-campeão na Copa do Mundo de 1998.

Com um número tão grande de conquistas, por que Claudio Taffarel apareceu apenas em 10º colocado na lista da IFFHS? Quem fez a votação e que critérios utilizou? Vai ver, quem elaborou o ranking ficou com inveja de Taffarel por ele ser o melhor goleiro da única seleção de futebol pentacampeã do mundo...

Lista dos "melhores":
1. Gianluigi Buffon (ITA) 87
2. Iker Casillas (ESP) 73
3. Peter Schmeichel (DIN) 69
4. Oliver Kahn (ALE) 62
5. Edwin van der Sar (HOL) 60
6. José Luis Chilavert (PAR) 58
7. Walter Zenga (ITA) 55
8. Petr Cech (RTC) 50
9. Michel Preud'homme (BEL) 43
10. TAFFAREL (BRA) 40


(A imagem que ilustra esse texto foi copiada do link yf3.)

domingo, 17 de janeiro de 2010

A CAMISA DA ARGENTINA

Seleçäo argentina aposta num ícone do passado para vencer no presente

A seleçäo de futebol da Argentina terá uma nova camisa para disputar a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. O modelo que será usado durante os jogos é inspirado no que foi usado pelo time na Copa de 1986. O anúncio da nova camisa foi feito em novembro de 2009.
O curioso, porém, é o motivo da tal escolha pela camisa de 1986. Foi porque nesse ano os argentinos ganharam sua última Copa. E eles, superticiosos que säo, esperam que a camisa dê sorte para conquistar o próximo campeonato. Nas campanhas publicitárias de algumas lojas de Buenos Aires, capital daquele país, aparecem os craques argentinos do presente (como Messi) vestindo as camisas da década de 80. Abaixo das fotos dos ídolos, a frase em castelhano: "Todo time precisa de uma camisa que tenha história".
Los hermanos, como säo carinhosamente chamados pelos brasileiros, já conquistaram o principal torneio de futebol duas vezes: em 1978 e 1986. A conquista de 86 foi marcada pelo polêmico gol de mäo de Maradona, nas quartas de final, quando a Argentina venceu a Inglaterra por 2X1 e sagrou-se campeä daquele mundial.
Na Copa da África do Sul o time argentino jogará no Grupo B - grupo relativamente fraco -, e enfrentará as seleçöes da Nigéria, Coréia do Sul e Grécia.
Os argentinos contam com a sorte do uniforme de 1986 para vencer a copa de 2010, mas se for por isso, o Brasil sairá campeäo desse mundial. Só de camisas vitoriosas nós já temos cinco!

"QUANDO A REALIDADE BATER NA SUA CARA E VOCÊ NÄO CONSEGUIR MUDÁ-LA, PEÇA SERENIDADE A DEUS PARA ACEITAR AS COISAS COMO ELAS SÄO."

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

EM TERRA DE CEGO

Dizem que "em terra de cego, que tem um olho é rei". Tenho um amigo que passou por uma experiência parecida com esse ditado popular...
Estava ele, meu amigo, de férias em Buenos Aires, capital da Argentina. Ora, é sabido que os argentinos säo um povo bastante patriótico. Lá, futebol näo é paixäo nacional. É religiäo oficial. Para os hermanos, Diego Maradona, o Dieguito, é o melhor futebolista do mundo. Um verdadeiro herói. Quase um deus.
Os únicos que conseguem vencer os argentinos nesse esporte somos nós, os brasileiros. Mesmo que eles näo admitam, Pelé, nosso rei do futebol, é o melhor jogador de todos os tempos.
Pois bem, voltando ao meu amigo, ele estava hospedado num hotel na capital argentina. Apesar de näo compreender cem porcento o castelhano - língua oficial daquele país - meu amigo, um intrépido cearense, lá de Aracoiaba, conseguiu fazer amizade com os funcionários do hotel. Tudo parecia ir às mil maravilhas, até que...
Um dos seguranças, um hermano de uns dois metros de altura, perguntou ao meu amigo quem ele achava ser o melhor jogador de futebol do mundo: Pelé ou Maradona.
Meu amigo até pensou em ficar com a primeira opçäo. Mas notando sua pequinez física em relaçäo ao argentino, e lembrando-se do ditado popular citado anteriormente, respondeu num portunhol bastante carregado:
- Má cuemo non. El merrôr juegador de futebol di tuedos os tiempos só podia ser o Dieguito... E jô tuerço para a Arrentina desde niño.

"DROGA DE TECLADO ARGENTINO... CADÊ O TIL ?!"

"VIAJAR PARA O EXTERIOR TODO MUNDO QUER. MAS COMER NO RESTAURANTE POPULAR PARA ECONOMIZAR DINHEIRO PARA A VIAGEM, NINGUÉM SE HABILITA..."

FÉRIAS...

domingo, 10 de janeiro de 2010

TURBULÊNCIA


O dia ontem amanheceu nublado na cidade de Natal e municípios vizinhos. Escuras nuvens de chuva - típicas dessa época do ano - encobriram os céus da capital potiguar e causaram receio nos passageiros que estavam no Aeroporto Internacional Augusto Severo, em Parnamirim.
No saquão de embarque do aeroporto, alguns passageiros pareciam preocupados com a previsão do tempo. Chegou a cair uma fraca neblina por volta do meio dia, mas nada que oferecesse riscos aos pousos e decolagens.
Um avião que partiu às 13:50 (hora de Brasília) de Parnamirim - RN, com destino a Campinas - SP, sofreu uma turbulência na decolagem.
“A turbulência é um acontecimento corriqueiro na aviação. Ela acontece quando a aeronave atravessa áreas de instabilidade. Mas os aviões são preparados para resistirem a esse tipo de acontecimento. Os passageiros podem ficar despreocupados”, explicou um piloto.
Pode até ser. Mas quando eu sair de férias, acho que vou de ônibus...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

PRÉDIO MAIS ALTO DO MUNDO


Com 160 andares e mais de 800 metros de altura, o Burj Dubai, tornou-se o prédio mais alto do mundo. O edifício foi inaugurado segunda-feira (04-01-10) em Dubai, maior cidade dos Emirados Árabes Unidos.

A construção da estrutura iniciou em 2004. Ao todo, trabalharam na obra cerca de 12 mil operários. Ainda em 2004, mesmo sem estar pronto, o Burj Dubai superou em altura o maior edifício até então, o Taipé 101.


(A imagem acima foi copiada do link R7.)

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

FELIZ 2010!!!

Posso estar alguns dias atrasado... Mas desejar felicidades para alguém nunca é demais.
Sempre encaro cada dia como se fosse especial, afinal de contas: estou vivo, com saúde, vários amigos. E Deus preparou um belo mundo cheio de aromas, cores, sabores e sensações. Basta saber e querer aproveitar.

Portanto, em 2010, não sejamos hipócritas para desejarmos uns aos outros, apenas por conveniência, feliz Natal, dia dos pais, dia da mulher. Essas coisas.

Se você realmente ama, gosta, respeita, admira ou sente afeto por alguém, diga isso a ele(a) todos os dias. Não espere uma data especial. FAÇA TODO DIA SER ESPECIAL.

Aproveite cada instante, cada sorriso, cada beijo, cada lágrima. A vida é curta. E quando nos damos conta disso ou já perdemos alguém muito especial, ou já estamos velhos.

Um feliz ano novo para todos os que leem estas palavras. Digo isso não por o ano estar
começando. Falo isso porque, para mim, cada dia é único. É uma bênção de Deus, e como tal, deve ser aproveitado.